viagem internacional com crianças

7 cuidados necessários ao fazer uma viagem internacional com crianças

Fugir da rotina e conhecer novos destinos é sempre uma ideia bastante atrativa, não é verdade? No entanto, quando fazemos isso com nossos filhos e criamos memórias inesquecíveis em conjunto, tudo fica muito melhor. Pensando nisso, prepararmos um post mostrando 7 cuidados necessários ao fazer uma viagem internacional com crianças.

Para que o passeio não acabe virando uma bela dor de cabeça, é sempre recomendável ter um pouco de cautela, com estratégias bem definidas desde a hora de arrumar a mala, passando pela escolha do local, contornando as principais burocracias e assim por diante. Continue sua leitura e descubra como fazer isso!

1. Tome todos os cuidados iniciais

Toda viagem de sucesso começa com alguns cuidados iniciais, que não podem ser menosprezados quando há uma criança envolvida no passeio. O primeiro deles é observar a idade, pois é pouco recomendável que bebês menores de três meses façam um voo internacional, por exemplo, especialmente se o motivo for apenas o lazer.

Lembre-se de que, quando muito pequenos, somos mais vulneráveis a doenças e infecções, uma vez que sequer temos o quadro vacinal completo. Falando nisso, verifique quais as demandas de cada destino, pois é comum que alguns países exijam certas vacinas de brasileiros, principalmente a de febre amarela e, mais recentemente, a de Covid.

2. Escolha um bom destino para visitar

Não dá para falar em cuidados necessários ao fazer uma viagem internacional com crianças sem dizer que é imprescindível escolher um bom destino. Afinal, muitas cidades que são excelentes para adultos podem não ser tão bacanas para os pequenos. Se você não quer errar nesse momento, a Disney, nos Estados Unidos, é sempre uma escolha certeira e divertida.

As praias também são uma alternativa muito celebrada pela criançada, o que faz do Caribe um local imbatível, especialmente em Cancun, Riviera Maya, Aruba e Curaçao. Se você deseja fugir um pouco do lugar-comum, considere Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, com o show das águas dançantes, safári no deserto e uma pista de esqui fechada no shopping.

3. Capriche na arrumação das malas

Arrumar as malas com inteligência é muito importante para qualquer idade, pois contar com as roupas e os acessórios adequados garante que as pessoas aproveitem muito mais os passeios disponíveis. Logicamente, para fazer isso, você precisa analisar não apenas qual é o clima recorrente do destino de sua viagem, como a previsão do tempo para os próximos dias.

Além disso, deixe alguns itens essenciais na mala de mão, pois isso assegura que você minimize a dor de cabeça em caso de extravio da bagagem principal, o que não é nada incomum. Aqui, inclua artigos de higiene, um pequeno cobertor para proteger a criança, um kit de primeiros socorros, protetor solar e um pacote de fraldas, se for o caso.

4. Conheça as principais exigências de voo

Para voar com crianças, lembre-se de que os voos internacionais têm um pouco mais de exigências do que os domésticos, fazendo com que outras documentações e comprovantes possam ser necessários para quem tem entre 0 e 17 anos. Porém, se eles estiverem acompanhados dos pais, basta contar com o passaporte brasileiro válido.

i9vale imoveis de luxo

Por outro lado, se apenas um dos responsáveis estiver presente, é imprescindível uma autorização expressa do outro, com firma reconhecida. Além disso, caso nenhum dos dois esteja com a criança, será preciso produzir um documento com firma reconhecida por ambos. Caso contrário, o menor simplesmente não será liberado para embarcar.

5. Monte uma programação adequada

Independentemente do destino que você escolher, montar uma programação adequada é a garantia de diversão e tranquilidade quando estiver viajando com crianças. Obviamente, tudo depende da cidade e das atrações que ela disponibiliza, pois o roteiro de um município do interior não deve ser o mesmo de um lugar turístico ou de uma grande metrópole, por exemplo.

O lado bom disso tudo é que a internet pode ser uma grande aliada, facilitando o encontro de informações e de locais bem estruturados para receber os pequenos, como hotéis, pousadas, parques, restaurantes, praias, pracinhas, piscinas, passeios, transportes e muito mais. Com esse cuidado a mais, é possível alegrar qualquer momento e tornar tudo ainda mais especial!

Utilizar milhas tem sido uma excelente vantagem, utilizando dos benefícios do seu cartão de crédito, você pode utilizar para vôos, resorts, parques e passeios sem nenhum custo, basta somente se informar dos benefícios que tem direito.

6. Prepare e separe algumas comidinhas

Uma das tarefas mais desafiadoras para quem está pensando em fazer uma viagem internacional com crianças está na alimentação. Afinal, os pequenos ainda não têm o sistema digestivo totalmente desenvolvido e ainda precisam amadurecer o paladar, o que pode dificultar bastante a vida dos responsáveis, especialmente em determinados países.

Vale a pena fazer um suave investimento e comprar uma bolsinha térmica, na qual você pode deixar as refeições favoritas do seu filho. Se ele for muito novinho, é interessante colocar na mala fórmulas e outros tipos de alimentos para os bebês. Já para os que já são maiorezinhos, a grande pedida é separar bolachas, biscoitos e barrinhas de cereais.

7. Determine um contato de emergência

Uma dica muito interessante para quem vai fazer viagens internacionais é determinar um ou mais contatos de emergência, que possam atender rapidamente em qualquer situação e ajudar nos momentos mais delicados. Naturalmente, isso é ainda mais importante quando você estiver passeando com crianças pequenas, que demandam mais cuidados e bastante atenção.

Outra recomendação é dar uma boa olhada em estabelecimentos de saúde, como clínicas, hospitais, farmácias e consultórios próximos do hotel em que vocês estarão hospedados, pois é muito importante saber aonde ir em caso de algum problema. Os seus filhos podem levar um cordão ou pulseirinha com informações, que serão muito úteis se eles se perderem.

Pronto! Agora você já sabe quais são os cuidados necessários ao fazer uma viagem internacional com crianças. Seguindo as nossas dicas, você pode fazer um passeio com maior tranquilidade e ter a certeza de que viverá momentos inesquecíveis com os seus pequenos, sem correr riscos de acabar com algum incômodo ou inconveniente no destino.

Gostou de aprender quais são os 7 cuidados necessários ao fazer uma viagem internacional com criança? Quer dividir as informações do conteúdo com seus amigos e parentes? Então, que tal compartilhar o post em suas redes sociais?

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

2 Comentários

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.